bg_facebook
bg_twitter
bg_instagram
bg_youtube
bg_whats

Locais que promovem inclusão alimentar

Encontrar locais aptos para pessoas celíacas, alérgicas e intolerantes alimentares e até veganas, não é muito comum. Primeiro porque esses locais são raros mesmo, além disso, pouco divulgados. Por isso sempre que possível, o Livre Alimentar divulga e ajuda promover.

Vamos ao relato de dois felizes achados da família Livre Alimentar, enquanto viajava de carro, saindo de Cuiabá – MT com destino ao Rio de Janeiro, passando por Mato Grosso do Sul e São Paulo.

Uma das paradas programadas para visitar familiares, amigos e descansar, era São José do Rio Preto – SP, então chegando na cidade, começaram as pesquisas na internet sobre locais que um alérgico a proteína do leite de vaca, pudesse comer com segurança, foi então que a pesquisa mostrou Dani Gourmet e de forma surpreendente, naquele mesmo instante em um grupo de WhatsApp de mães de crianças com alergia alimentar, uma das mães, que inclusive é de Mato Grosso, estava a passeio na cidade e naquele exato momento contou que estava saboreando as delícias da Dani Gourmet.

No dia seguinte a família Livre Alimentar foi conhecer o local, que produz alimentos sem glúten e sem leite. Chegando lá, como de costume, quando vai a qualquer restaurante, o Joaquim, que é alérgico a proteína do leite de vaca, pegou o cardápio e perguntou o que era seguro para ele pedir. Quando ouviu que podia pedir qualquer coisa, o que quisesse, pois tudo era sem leite, esboçou uma cara de espanto e alegria ao mesmo tempo que emocionou a família.

O cardápio é variado e muito esclarecedor, inclusive informa não haver risco de contaminação cruzada. Tudo o que foi pedido foi tão aprovado que no dia seguinte a família voltou ao local, comeu novamente e ainda pegou umas esfihas congeladas pra viagem, que de tão boas, diga-se de passagem, não durou nem a metade da viagem. Foram saboreadas e aprovadas pelo Joaquim na primeira oportunidade.

Saindo dali, a família seguiu para São José dos Campos – SP, ficando na cidade por 4 dias, porém aproveitou a proximidade para conhecer Campos do Jordão – SP. Mais uma vez, as pesquisas na internet mostraram outro local inclusivo, o hotel Serra da Estrela em Campos do Jordão, que oferece café da manhã vegano no formato de buffet (self service). Mesmo não estando hospedado no hotel, é possível tomar café da manhã lá. O que tornou possível a realização de um sonho, que era levar Joaquim para tomar café fora de casa. Mais que um sonho, foi mágico, vê-lo se servindo em um buffet sozinho, de tudo que havia disponível, sem precisar perguntar sobre ingredientes, etc.

Enfim, cada local teve sua magia e proporcionou experiências inclusivas maravilhosas tanto para Joaquim, como para toda a família, apesar que a prioridade foi deixá-lo comer a vontade, então os outros membros da família (mãe, pai e irmã) que não possuem restrição alimentar severa como a dele, não vivenciaram a mesma experiência gastronômica, afinal os valores não são tão acessíveis, porém, a alegria de vê-lo incluído e feliz, teve um sabor inesquecível.

Que mais e mais locais como esses surjam pela estrada da vida e surpreendam todos que precisam ser acolhidos e incluídos. Esse é o desejo da família Livre Alimentar para 2024 e para todos os próximos anos!

Vale ressaltar que a Dani Gourmet em São José do Rio Preto – SP produz alimentos seguramente sem glúten e leite, inclusive sem o perigo da contaminação cruzada.

Já o café da manhã vegano no hotel Serra da Estrela em Campos do Jordão – SP, os alimentos possivelmente podem sofrer contaminação cruzada, pois há uma pequena mesa ao fundo do buffet vegano com produtos tradicionais, como mussarela, por exemplo. Porém a sugestão é entrar em contato com o hotel e esclarecer quaisquer dúvidas, antes de de ir conhecer.

O Livre Alimentar quer contar sua história de inclusão também. Então se você descobriu algum lugar como esses ou é proprietário de um, entre em contato via instagram @livre_alimentar ou por e-mail: leda@livrealimentar.com.br